Veja os resultados de outras Loterias

Mega
Lotomania
Quina
Lotofácil
Dupla
Timemania
Federal

Vídeo mostra taxista tentando fugir de assaltantes antes de ser assassinado

  • Por:  
  • Publicado em Piauí
Publicidade

 

Câmeras de vigilância de um condomínio localizado na Rua Anísio de Abreu, no Centro de Teresina, gravou o momento em que taxista identificado como Carlos Alberto de Sousa foi morto a tiros por dois homens na manhã desta sexta-feira (29). As imagens foram entregues à polícia e nelas é possível ver que a vítima para o veículo, abre a porta e corre tentando fugir dos criminosos, mas tropeça e cai. Um dos criminosos se aproxima e o taxista trava uma luta corporal com o assaltante. O outro criminoso chega, também agride a vítima e em seguida é possível ouvir dos disparos da arma.

Após atirar na vítima, a dupla foge usando o táxi.Toda a ação dura apenas um minuto. O crime aconteceu por volta das 6h e não havia movimentação de veículos na rua. O carro da vítima foi encontrado abandonado minutos depois na Ponte Estaiada, Zona Leste da capital.

Um morador, que não quis se identificar, relatou ao G1 que a rua estava deserta no momento em que o fato aconteceu e funcionários do Departamento Nacional de Obras contra as Secas (Dnocs) que chegavam para trabalhar foram os primeiros a ver o corpo da vítima na calçada. "Ficamos com medo de sair na porta ao ouvirmos os disparos. A rua estava tranquila e por isso ninguém conseguiu ver nada. Está todo mundo muito assustado e com medo de sair para trabalhar", disse o morador.

A Polícia Militar conseguiu prender um dos suspeitos de participação no assassinato e por pouco o homem não foi linchado por taxistas que conseguiram seguir a viatura. Revoltados com a morte do colega, vários trabalhadores fizeram protestos pela cidade e bloequearam ruas e avenidas da capital. Em frente à Central de Flagrantes, os taxistas atearam fogo em pneus e impediram o tráfego de veículos na via.

Tumulto também foi registrado na porta do Hospital de Urgência de Teresina (HUT) após a informação de que o suspeito preso teria sido levado à unidade de saúde para receber atendimento.

Segundo a polícia, o homem foi preso em um ponto de venda de drogas no Morro da Esperança, na Zona Norte e o outro continua foragido. Revoltados com o crime, os taxistas ameaçaram atear fogo na casa e a polícia teve que fazer a guarda do local para impedir.

 


Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


Código de segurança
Atualizar

Entre para postar comentários