Veja os resultados de outras Loterias

Mega
Lotomania
Quina
Lotofácil
Dupla
Timemania
Federal

Exumação comprova que bebê de um ano não sofreu maus tratos

  • Por:  
  • Publicado em Piauí
Publicidade

Peritos do Instituto Médico Legal e policiais civis realizaram por volta das 16h desta terça-feira (28) a exumação do corpo de Ana Clara dos Santos Silva, de apenas um ano, que morreu no dia 19 de outubro com suspeita de maus tratos. De acordo com o delegado José de Anchieta, titular do 4º Distrito Policial, o laudo realizado por peritos comprovou que não houve lesão traumática, ou seja, não aconteceu agressão.

“Um laudo feito pelos profissionais do IML de Teresina declarou que a morte da criança não teria sido causada por maus tratos, porém não esclarecia a causa da morte, descrevendo apenas que foi morte indeterminada”, relatou.

O delegado afirmou que a exumação foi feita para que os peritos recolhessem alguns tecidos do corpo com o obejtivo de esclarecer de uma vez por todas a causa da morte. “Foram coletados alguns tecidos para que eles atestem a causa da morte, que pode ter sido por hepatite ou alguma outra doença desse tipo. Exames serão feitos em laboratórios para que isso fique claro”, explicou Anchieta.

Enquanto o caso é investigado, a mãe, suspeita de maus tratos, continua presa na Penitenciaria Feminina de Teresina. “Eu já envie o laudo que comprova que não houve isso com a criança, mas o juiz decidiu que a mãe do bebê permaneça presa até o fim das investigações”, disse o delegado.

Na exumação estavam presentes o advogado da mãe, o avô da criança, além de peritos, promotores de justiça e o delegado responsável pelo inquérito.

Entenda o caso
O bebê morreu na tarde de domingo (19) no Hospital Geral do Promorar, na Zona Sul de Teresina, uma hora após dar entrada.  A direção do hospital registrou um Boletim de Ocorrência porque suspeitaram que a criança faleceu em decorrência de uma doença não tratada.


Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


Código de segurança
Atualizar

Entre para postar comentários