Veja os resultados de outras Loterias

Mega
Lotomania
Quina
Lotofácil
Dupla
Timemania
Federal

Jovem que saiu do Enem para dar à luz fará o exame novamente este ano

  • Por:  
  • Publicado em Piauí
Publicidade

Elane da Silva com a filha, Luna Kimberly (Foto: Carlienne Carpaso/G1)Elane da Silva com a filha, Luna Kimberly (Foto: Carlienne Carpaso/G1)
 
GUIA DO ENEM
Provas serão dias 8 e 9 de novembro
datas das provas edital do enem dicas para as provas como funciona a pontuação simulado e guia de estudos dicas em vídeos

A estudante Elane da Silva, de 21 anos, que entrou em trabalho de parto enquanto fazia a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em Teresina no ano passado, fará novamente a prova neste ano para concorrer a uma vaga na Universidade Estadual do Piauí (Uespi). Ela, que conseguiu o direito de refazer a prova após um mês do nascimento da filha, não foi aprovada, mas disse que passou o ano estudando e se prepaparando para o exame deste ano. O Enem será nos dias 8 e 9 de novembro.

FAÇA O SIMULADO FINAL DO ENEM

“Eu decidi fazer a prova de novo para conseguir aprovação no curso de Biblioteconomia. Eu já sou formada no curso técnico dessa área. Agora estou terminando outro curso técnico, que é de administração, estudando pro Enem e cuidando da minha filha”, disse a estudante, que fez um cursinho preparatório para reforçar os estudos.

Enquanto se prepara para fazer o exame, Elane comenta que quando está estudando a filha sempre está por perto e adora ficar brincando com os papéis e canetas. “Quando estou estudando, deixo a Luna ficar brincando com os papéis. Espero que ela seja muito estudiosa”, brinca a mãe ao relacionar o nascimento da filha com o Enem.

Ela relembra o momento em que estava na sala fazendo o exame quando sentiu que Luna estava prestes a nascer. “Eu estava na sala de aula quando pedi para ir ao banheiro e percebi que a bolsa tinha rompido. Eu já sabia que estava perto de ter o bebê, mas decidi fazer a prova porque achava que iria dar tempo. Isso foi no dia 26 de outubro, mas Luna só nasceu na madrugada do dia 27”, acrescentou Elane.

Elane diz que conciliará revisões com os cuidados da filha (Foto: Pedro Santiago/G1)Elane com a filha na maternidade em outubro de
2013 (Foto: Pedro Santiago/G1)

Para as provas deste ano, a estudante se diz confiante. “Eu estou estudando e as expectativas são boas. Quero muito passar”.

Relembre o caso
A primeira prova do Enem 2013 ocorreu no dia 26 de outubro. Elane da Silva estava grávida de nove meses e contando as horas para dar à luz sua primeira filha, Luna Kimberly da Silva.

Elena chega com a filha de colo para fazer a prova do Enem em Teresina (Foto: Wenner Titto/G1)Elane levou a filha para fazer nova prova do Enem
em novembro (Foto: Wenner Titto/G1)

Meia hora depois de iniciar a resolver as questões, Elane começou a sentir dores e pediu para ir ao banheiro quando percebeu que a bolsa havia rompido. A candidata, que foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) passou por duas maternidades em busca de vagas até ser encaminhada para a Maternidade do bairro Promorar, na Zona Sul de Teresina.

Na época, o então ministro da Educação Aluísio Mercadante relatou o caso durante uma coletiva nacional. Elane entrou com pedido no Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) do Ministério da Educação para refazer a prova que, com o parecer favorável do Instituto, fez o exame nos dias 3 e 4 de dezembro do mesmo ano, mas sua nota não foi suficiente para conseguir uma aprovação no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que seleciona para vagas em universidades.

Mais de 9 mil grávidas farão a prova
Este ano, o Enem recebeu inscrições de 9.256 candidatas grávidas, segundo dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). A quantidade de mulheres gestantes que decidiram participar das provas cresceu 34% entre 2013 em 2014, em uma taxa mais alta do que o aumento no número total de candidatos, que foi de 21% no mesmo período.

Candidatas gestantes de 2013 contaram ao G1 que entre as principais dificuldades para realizar o Enem nessas condições estão driblar o sono, manter a calma quando o feto mexe muito na barriga, garantir que haja comida o suficiente para aguentar a maratona sem passar fome, e ainda lutar contra a pressão para desistir do sonho de fazer faculdade.


Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


Código de segurança
Atualizar

Entre para postar comentários