Veja os resultados de outras Loterias

Mega
Lotomania
Quina
Lotofácil
Dupla
Timemania
Federal

40% das crianças atendidas pelo Bolsa Família estão acima do peso

  • Por:  
  • Publicado em Piauí
Publicidade

Dados coletados pela Fundação Municipal de Saúde (FMS), junto aos beneficiários do Programa Bolsa Família em Teresina, mostram que 40,58% das crianças entre zero e dois anos tem sobrepeso. A pesquisa mostra também um aumento no número de mulheres adultas nessa mesma situação na capital.

  Pesagem é uma das exigência para a atualização de dados (Foto: Cláudio Nascimento / TV TEM)Pesagem é uma das exigência para a atualização
de dados (Foto: Cláudio Nascimento / TV TEM)

Entre as crianças de dois a sete anos, a taxa ficou em 25%. Os números são ainda mais preocupantes entre adultos, em que a taxa pode chegar a 58%, somado sobrepeso e obesidade. “Isso porque a cada cinco crianças acima do peso, quatro chegarão à idade adulta nas mesmas condições”, explica Theonas Gomes, chefe do Núcleo de Alimentação e Nutrição da FMS.

Com relação às gestantes, os números também merecem uma atenção especial. Entre as beneficiárias do Bolsa Família que estavam grávidas, 40,25% estavam com sobrepeso e obesidade.

Segundo Theonas, esta mudança nos números se deve à queda na qualidade da alimentação. “As pessoas estão consumindo cada vez mais produtos industrializados, como embutidos, em detrimento a verduras, frutas e alimentos orgânicos”, explica. Um dos motivos seria o fácil acesso a estes alimentos, que são mais baratos e práticos para a rotina corrida dos tempos atuais. “Associado a isso, existe a propaganda indiscriminada de alimentos não saudáveis, que estimula o consumo”, completa Theonas. O resultado é uma dieta rica em açúcar e gorduras, que favorece o aparecimento de doenças como diabetes e hipertensão.

Para reverter essa situação, a FMS tem organizado atividades de estímulo à alimentação saudável e à prática de atividades físicas “É importante ter um maior cuidado na escolha dos nossos alimentos. Consumir mais vegetais e evitar o excesso de carne vermelha, por exemplo”, afirma Theonas. “Resgatar o prazer de comer em casa, promovendo momentos em que toda a família ou grupos de amigos se reúnem para cozinhar pratos saudáveis é outra ação simples que pode fazer bem à nossa saúde”, complementa ela.


Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


Código de segurança
Atualizar

Entre para postar comentários