Veja os resultados de outras Loterias

Mega
Lotomania
Quina
Lotofácil
Dupla
Timemania
Federal

Alunos denunciam falta d'água em escola e diretor fala em sabotagem

  • Por:  
  • Publicado em Piauí
Publicidade

Alunos do Centro Estadual de Educação Profissional em Saúde (CEEPS), que funciona no prédio do Premen Sul, em Teresina, denunciam que estão sem aula há vários dias devido à falta d'água nos bebedouros e que os equipamentos estão em estado de calamidade usual. O próprio direitor da unidade escolar, Valdir Soares, confirmou que não houve aulas nessa segunda e terça-feira por conta do problema, mas que ele teria sido causado porque alguém teria desligado o registro de água da instituição.

Alunos denunciam sujeira em um dos bebedouros (Foto: G1 Piauí)Alunos denunciam sujeira em um dos bebedouros
(Foto: G1 Piauí)

Um dos alunos que estuda no 3º ano do Ensino Médio na instituição, indignado com a situação, registrou através fotos, que mostram muita sujeira em um dos bebedouros e banheiros quebrados. De acordo com o estudante, o problema da falta de estrutura e de água para consumo está prejudicando o ensino. “Estamos há vários dias sem aula por falta de água para beber. Além disso, os banheiros estão quebrados e sem nenhuma condição de uso. Pude registrar também muita areia junto à água que nós utilizamos para consumir”, relatou.

O aluno disse ainda que vários pedidos para a Secretaria Estadual de Educação (Seduc) já foram feitos e que nada teria sido feito para resolver o problema. “Já fizemos várias reclamações e nada foi feito. Estamos pensando seriamente em protestar em frente à Seduc, para a tomada de providências emergenciais”, revelou o estudante.

Segundo o Valdir Soares, diretor da escola, técnicos da Agespisa e da Seduc realizaram uma vistoria e detectaram que o problema da falta D'água teria sido uma sabotagem. “Infelizmente aqui tem gente que quer estudar, mas tem aqueles que só querem atrapalhar e pudemos observar que um desses que não querem nada desligou o registro, impedindo a chegada da água até os bebedouros”, argumentou.

O diretor disse ainda que a limpeza dos bebedouros é feitas regularmente e que as imagens que o aluno registrou é de um equipamento que não está sendo utilizado. “Esse bebedouro não está sendo mais utilizado, por isso a sujeira. A escola passa por problemas estruturais como qualquer outra instituição, mas estamos tentando resolver essa situação”, afirmou Valdir Soares.


Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


Código de segurança
Atualizar

Entre para postar comentários