Veja os resultados de outras Loterias

Mega
Lotomania
Quina
Lotofácil
Dupla
Timemania
Federal

Para driblar calor, amigos usam gelo triturado embaixo de mesas de bar

  • Por:  
  • Publicado em Piauí
Publicidade

Amigos compram cerca de 100 quilos de gelo triturado para aplacar a sensação térmica (Foto: Giulliano Tapety/ Aquivo pessoal)Amigos compram cerca de 100 quilos de gelo triturado para aplacar a sensação térmica (Foto: Giulliano Tapety/ Aquivo pessoal)

Um grupo de 10 amigos resolveu usar a criatividade e inovar para tentar driblar as altas temperaturas desse período em Teresina. A turma, que se reúne todo sábado em um bar da Zona Norte de capital, teve a ideia de fazer uma “vaquinha” para comprar gelo triturado e colocar embaixo das mesas e cadeiras para aliviar o calor. Segundo um dos jovens, o método realmente funciona. Nesta última semana, Teresina registrou uma média de 39°.

“Somos amigos de muito tempo. A maioria mora no mesmo bairro e pelo menos todo sábado nos reunimos para conversar, beber e almoçar. Como esse período é muito quente aqui em Teresina, resolvemos colocar gelo embaixo da mesa para aliviar o calor. Essa não é a primeira vez que fazemos isso. Desde o ano passado tivemos essa ideia e, como realmente funciona, resolvemos repetir e é assim quase todo sábado”, contou Aerton Lira, um dos criadores da ideia.

De acordo com Moisés Andrade, a brincadeira não sai cara, pois todos acabam contribuindo na hora de comprar o gelo. “A gente se reúne, faz uma “vaquinha”, cada um dá cerca de R$ 5, compramos a barra de gelo e mandamos triturar para levar para o bar. São cerca de 100 quilos de gelo por vez que dura em média duas horas. Com isso reunimos os amigos, nos divertimos e ainda contamos com um ambiente mais agradável”, explicou.

Turma se reune aos sábado em bar da Zona Norte (Foto: Giulliano Tapety/Aquivo pessoal)Turma se reune aos sábado em bar da Zona Norte (Foto: Giulliano Tapety/Aquivo pessoal)

Gilberto Holanda contou que a ação tem atraído olhares curiosos e muitas pessoas os cumprimentam pela ideia. “Muita gente passa, olha, comenta e começa a rir, até porque é uma forma engraçada de lidar com essa situação sem jeito que é o calor em Teresina. Algumas pessoas acham que não serve, mas estão muito enganadas. Quando venta, que aqui sempre é um vento quente, vem um vento gelado e mais agradável por causa do gelo e não tem como negar: a sensação muda bastante”.

O ponto de encontro do grupo é um bar conhecido por servir comidas típicas como, por exemplo, Maria Isabel, sarapatel, panelada e galinha caipira. A dona do bar, Maria Adélia, falou que achou a ideia muito legal e que inclusive já tinha feito uma vez. “Eu achei a ideia muito interessante, é muito legal ver a criatividade dos clientes. Eu, inclusive, já até tinha feito isso durante um final de semana anterior e fico agradecida com a escolha e o carinho dos meninos. Quando os seus clientes tomam a iniciativa de inventar alguma coisa para ir ao bar e permanecer no local, mesmo com as altas temperaturas, significa que o seu trabalho é preferência e agrada”, disse.

Ainda segundo a proprietária, o grupo sempre marca presença no seu bar e leva muita diversão e brincadeira. “É um grupo muito animado, divertido. Eles são ótimos, estão sempre presentes no bar e nunca deram trabalho. Eles sempre inventam alguma novidade que termina atraindo quem passa pelo local”, finalizou Adélia.


Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


Código de segurança
Atualizar

Entre para postar comentários