Veja os resultados de outras Loterias

Mega
Lotomania
Quina
Lotofácil
Dupla
Timemania
Federal

Mais de 150 famílias sofrem com a falta de água no Povoado Coroatá

  • Por:  
  • Publicado em Piauí
Publicidade

No Povoado Coroatá, Zona Rural de Teresina, mais de 150 famílias sofrem com a falta de água. Os moradores são atendidos por um poço de um povoado próximo que não tem vazão suficiente para atender a demanda das duas localidades. Em 2012 a prefeitura de Teresina havia aprovado no orçamento popular a construção de um novo poço, mas ainda não foi feito. Segundo a prefeitura, a previsão é que o poço fique pronto só em abril de 2015.

A lavradora Rosimeire da Conceição precisa percorrer um bom percurso todo dia pela manhã para ter água em casa. “Desde quando me mudei para o povoado Bolena todo dia pela manhã tenho eu caminho até a casa da vizinha para buscar água em um poço que ela tem. Tenho que ir buscar para poder fazer o café”, disse.

Situado no Km 16 da PI-113, o povoado Bolena te apenas um poço para atender a toda a comunidade. “A água do poço já está acabando e o dono do poço reclama, pois a água dele também vai acabar. Temos que ficar até de madrugada esperando cair uma gota de água das torneiras e nada, por isso todo dia temos que ir até o poço várias vezes e enfrentar as longas filas”, falou a lavradora Maria Isaura.

No ano de 2012 os moradores do povoado achavam que o problema iria acabar, pois a Prefeitura de Teresina havia aprovado no orçamento popular a construção de um novo poço. “Aqui são 150 casas que você multiplica por 4 pessoas e tem um número de pessoas que sofrem com a falta de água na comunidade. É muita gente”, explicou Francisco Chagas, líder comunitário.

Dona Luíza Maria, lavradora, com 81 anos em pleno século XXI sonha com o dia que terá água encanada. “Eu sonho com ela dentro da minha casa, dentro do meu banheiro. Eu tenho um banheiro e não posso usar porque não tem água”.

Segundo a Prefeitura de Teresina, já foi aberto processo de licitação para abertura de um novo poço para melhorar o abastecimento d’água no povoado Coroatá, mas a previsão é que a obra fique pronta só no próximo ano, no mês de abril.


Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


Código de segurança
Atualizar

Entre para postar comentários