Veja os resultados de outras Loterias

Mega
Lotomania
Quina
Lotofácil
Dupla
Timemania
Federal

Igreja construída por negros católicos faz 140 anos e tem sinos tombados

  • Por:  
  • Publicado em Piauí
Publicidade

O Prefeito de Teresina, Firmino Filho, assinou nesta sexta-feira (13) o decreto N° 14.173 que estabelece o tombamento dos dobres dos sinos da Igreja de São Benedito, como patrimônio imaterial, para fins de preservação histórica e cultural. O templo católico completa 140 anos e foi o terceiro a ser construído na capital. A igreja foi construída por negros católicos em regime de mutirão.

Igreja de São Benedito localizada no Centro de Teresina (Foto: Patrícia Andrade/G1)Igreja de São Benedito localizada no Centro de Teresina
(Foto: Patrícia Andrade/G1)

Enquanto a maioria das igrejas de Teresina substituiu o som original dos sinos por som mecânico, reproduzido em cds, a Igreja de São Benedito mantém-se firme em sua tradição de fazer os sinos dobrarem diariamente, no horário do meio dia e das 18h. Eles dobram ainda em dias especiais, em homenagem a São Benedito e Santo Antônio, cuja data é celebrada nesta sexta e também para o chamamento dos fiéis para as novenas.

A iniciativa do tombamento partiu do jornalista e membro da Academia Piauiense de Letras (APL), e do advogado Romildo Mafra, levando em conta que os sinos possuem relevante valor cultural, tanto no seu aspecto material como no seu caráter imaterial, por meio dos seus dobres.
Em 1874, no local onde hoje está localizada a Igreja, à época chamado de Alto da Jurubeba, havia uma pirâmide de pedras soltas, encimadas por uma cruz, lugar de devoção para as pessoas mais  humildes da cidade. Os negros católicos criaram uma irmandade e tiveram a ideia de construir um templo para o seu padroeiro, São Benedito.

O arquiteto foi o Frei Serafim de Catânia, um italiano missionário da Ordem dos frades Capuchinhos. A igreja foi construída em regime de mutirão e todo o material de construção empregado na edificação foi, a princípio, doado pelo governo da época e, também, pela comunidade que ajudou a transportá-lo para o canteiro de obras.

As portas externas da Igreja de São Benedito, construídas em madeira de jacarandá e cedro, foram esculpidas pelo artista piauiense Sebastião Mendes e são tombadas pelo patrimônio histórico e artístico nacional.

Para o Frei Edimilson Vieira, pároco da igreja, a programação desta sexta-feira que inclui missas e a solenidade de tombamento dos sinos é uma forma de selar a fé e religiosidade já tradicional do povo piauiense.


Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


Código de segurança
Atualizar

Entre para postar comentários