Estados Unidos reforçam segurança para evitar atentados no Dia de Ação de Graças

  • Por:  
  • Publicado em Mundo
Publicidade
As autoridades de Nova York reforçaram a segurança para prevenir atentados terroristas durante a parada do Dia de Ação de Graças que se realiza nesta quinta-feira (24).
Cerca de 3 milhões de pessoas devem comparecer ao desfile, com seus balões gigantes, carros alegóricos, palhaços, bandas e espetáculos de teatro.
Em todas as cidades dos Estados Unidos, o Dia de Ação de Graças é comemorado com um jantar familiar e muita festa, em que o prato principal é o peru.
Segundo cálculos da Federação de Automóveis dos Estados Unidos, mais de 50 milhões de americanos estão viajando hoje para encontrar amigos e familiares que vivem em outras cidades, em distâncias superiores a 150 quilômetros.
Destaque Segurança é reforçada em aeroporto dos Estados Unidos Erik S. Lesser/Agência LusaErik S. Lesser Segurança é reforçada em aeroporto dos Estados Unidos

As autoridades aumentaram a fiscalização de estradas, aeroportos e estações ferroviárias. A programação do Dia de Ação de Graças também prevê a transmissão ao vivo de vários jogos importantes de futebol americano.

A festa do Dia de Ação de Graças precede a Black Friday - dia de liquidação em todas as lojas dos Estados Unidos -, a se realizar amanhã (sexta-feira, 25). Os descontos da Black Friday começam em muitas lojas hoje, às 18h.

As compras são feitas nas lojas, mas, para prevenir tumultos, muitas oferecem os descontos pela internet.

O presidente Barack Obama participou ontem (23) da cerimônia da Casa Branca, realizada anualmente, de poupar o peru, ou seja, de evitar que a ave-símbolo do Dia de Ação de Graças seja sacrificada. Todos os anos, o presidente participa da cerimônia acompanhado de suas duas filhas Sasha e Malia. Este ano, porém, ele trouxe dois sobrinhos.

Brincando, disse que as filhas não compareceram porque estavam cansadas de ouvir sempre as mesmas piadas dele sobre perus. "Elas não aguentam mais as minhas piadas", afirmou.

Unidade

O presidente eleito Donald Trump postou mensagem nas redes sociais pedindo "unidade" ao povo norte-americano.

Na mensagem, Trump disse que a nação acaba de assistir a uma campanha eleitoral "longa e contundente". O momento, de agora em diante, segundo o presidente eleito, é de "curar" as tensões.

Donald Trump disse ainda que o Dia de Ação de Graças é o momento de iniciar uma campanha nacional para "reconstruir o país".

 

Com informações da Agência Brasil

Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


Código de segurança
Atualizar

Entre para postar comentários