Pacto Global promove fórum em SP sobre sustentabilidade empresarial

  • Por:  
  • Publicado em Mundo
Publicidade
A Rede Brasil do Pacto Global das Nações Unidas promove na próxima semana (9) no Museu de Arte de São Paulo (MASP) o Fórum Pacto Global — Setor Privado Rumo aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. O evento vai reunir especialistas brasileiros e estrangeiros para debater sustentabilidade no meio empresarial.
Haverá painéis sobre liderança, uso da água, integridade, meio ambiente, direitos humanos e parcerias, além de palestras motivacionais e uma apresentação musical.
A abertura será feita pelo representante residente do Sistema ONU no Brasil, Niky Fabiancic, com mediação do diretor jurídico da BASF na América do Sul e presidente da Rede Brasil, André Oliveira.
É possível fazer inscrição com desconto de 30% até sexta-feira (4) por meio do site do fórum (bit.ly/2cQKEJt).
Destaque Pacto Global promove fórum em SP sobre sustentabilidade empresarial

Veja abaixo a programação

O painel “Objetivos de Desenvolvimento Sustentável — da teoria à prática” apresentará resultados de estudos sobre a contribuição das empresas do comitê brasileiro do Pacto Global para o alcance dos objetivos globais.

O trabalho está sendo desenvolvido pela empresa norueguesa DNV-GL, em parceria com a Report. O painel terá a participação do presidente da DNV-GL, Luca Crisciotti, e da superintendente de sustentabilidade e negócios inclusivos do Itaú Unibanco, Denise Hills.

O painel “Liderança para a Agenda 2030” irá abordar a integração das estratégias de negócios aos objetivos globais. O debate terá a participação da presidente da AES Ergos, Teresa Vernaglia, do presidente da Ambev, Bernardo Pinto Paiva, do presidente da Siemens Brasil, Paulo Stark, e do presidente da Rede Brasil do Pacto Global, André Oliveira.

Já o painel “Objetivos Globais, Negócios Locais” apresentará o trabalho dos dois vencedores latino-americanos do concurso SDG Pioneers: a diretora de imprensa e sustentabilidade da BM&FBovespa, Sonia Favaretto, e o presidente da Beraca, Ulisses Sabará.

Os executivos comentarão o trabalho de suas organizações em relação aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, o que levou o Brasil a ser o único país com dois vencedores do concurso. O painel também terá a participação da gerente sênior do Pacto Global, Anita Househam.

O painel “Integridade: Desafios e Oportunidades no Combate à Corrupção” pretende engajar diversos atores em uma ação coletiva de combate à corrupção – sejam eles do poder público, empresas ou ONGs – identificando os melhores mecanismos de seguimento das leis, pautados por uma governança ética e transparente.

Esse debate terá a participação da chefe de sustentabilidade social, governança e integridade do Pacto Global, Ursula Wynhoven, e do professor de Direito Processual Civil da Escola Superior do Ministério Público do Distrito Federal, Jorge Hage. O painel também terá a participação do coordenador do programa Brasil da Transparência Internacional, Bruno Brandão.

A sessão de debates “Meio Ambiente: Agricultura na Era das Mudanças Climáticas” abordará temas como alimentos e agricultura, energia e clima, com enfoque nas mudanças climáticas e escassez hídrica. Participam dessa discussão a diretora do instituto World Resources no Brasil, Rachel Biderman, e a diretora de sustentabilidade da Amaggi, Juliana Lopes.

A discussão “Direitos Humanos: Respeitar, Proteger e Remediar” abordará os três pilares que envolvem a temática nas corporações: seus impactos nos direitos humanos para público interno, comunidades de entorno e na cadeia de valor.

O painel reunirá a secretária especial de direitos humanos do Ministério da Justiça e Cidadania, Flávia Piovesan, o jornalista, diretor da ONG Repórter Brasil e conselheiro do Fundo das Nações Unidas para Formas Contemporâneas de Escravidão, Leonardo Sakamoto, a gerente de programas e relações empresariais da Childhood Brasil, Eva Dengler, e da responsável por sustentabilidade da Enel Brasil, Marcia Massotti.

Para discutir o ODS número 17 (Parcerias e Meios de Implementação), o painel “Caminhos para Implementar a Agenda 2030” pretende discutir parcerias e compartilhamento de experiências, especialmente com os órgãos públicos, e os caminhos possíveis para a garantia de recursos, mesmo em contextos de crise econômica. Esse debate reunirá a diretora financeira executiva da Itaipu Binacional, Margaret Groff, e a representante residente assistente para programa do PNUD Brasil, Maristela Baioni.

Com informações Agência ONU


Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


Código de segurança
Atualizar

Entre para postar comentários