Empresa italiana arremata Celg D em leilão de privatização

  • Por:  
  • Publicado em Economia
Publicidade
A Celg Distribuição, empresa de distribuição de energia de Goiás, controlada pela Eletrobrás, foi arrematada pela empresa italiana Enel Brasil, no leilão de privatização ocorrido hoje às 9h na sede da BM&F, em São Paulo, com ágio de 28,03% e valor de R$ 2,187 bilhões.
Esse é o primeiro processo de privatização na gestão do presidente Michel Temer. Em agosto último, houve uma tentativa de venda, mas a ação foi frustrada.
Segundo A oferta foi reformulada para tornar o empreendimento mais atrativo desta vez.
Segundo o edital publicado, no último dia 28 de outubro pelo Ministério de Minas e Energia (MME) e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o valor mínimo para desestatização é de R$ 1,791 bilhão.

O novo controlador terá de cumprir as novas metas de desempenho operacional nos 5 anos subsequentes refletindo em melhora substancial do serviço prestado à população atendida.

A Celg Distribuição , empresa de energia elétrica que opera no estado de Goiás, era controlada pela Eletrobrás, que detém 50,93% do capital, atende 237 municípios do Estado de Goiás ou 98,7% do território goiano e tem 2,61 milhões de unidades consumidoras em uma área de concessão de 336.871 km².

Com informações da Agência Brasil


Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


Código de segurança
Atualizar

Entre para postar comentários