Veja os resultados de outras Loterias

Mega
Lotomania
Quina
Lotofácil
Dupla
Timemania
Federal

Evento aborda mudança climática e sustentabilidade em Pernambuco

  • Por:  
  • Publicado em Pernambuco
Publicidade

Conferência sobre clima no Recife (Foto: Moema França/G1)Conferência sobre clima no Recife (Foto: Moema França/G1)

Clima e energia renovável serão os dois principais temas abordados na Semana do Clima, evento que reúne 1,5 mil pesquisadores, empresários e técnicos da região no Centro de Convenções, em Olinda, Grande Recife, do dia 3 até 6 de novembro. Durante o evento, também acontecem o Pernambuco no Clima, o oitavo Congresso Brasileiro de Meteorologia e exposição de soluções e tecnologias sustentáveis. Os detalhes da programação foram divulgados em coletiva na manhã desta terça-feira (28), na sede da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) do Governo do Estado, no Recife, que promove o fórum em parceria com a Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH).

O eixo do evento, que está na terceira edição, é o planejamento de sustentabilidade no Recife no futuro e quais os resultados já alcançados com as mudanças climáticas que ocorrem atualmente. "Vamos ter debates que relacionam o clima com os cenários que Pernambuco vivencia e vai vivenciar. Nós vamos tratar de resíduos sólidos, mobilidade nas cidades, a biodiversidade, as oportunidades da economia verde, a bioenergia, as energias renováveis, tudo em relação com o clima", aponta o secretário estadual de Meio Ambiente, Carlos Cavalcanti.

O secretário lembra que o Projeto Noronha Carbono Neutro, que pretende fazer com que Fernando de Noronha seja o primeiro território brasileiro a neutralizar as emissões dos gases do efeito estufa, vai ser discutido durante o evento. "Todas as palestras são voltadas para as peculiaridades de Pernambuco", aponta. A programação conta com workshops seminários e uma mostra com as novidades em tecnologia do setor de renováveis, além do fórum de discussão. As inscrições são gratuitas, abertas ao público e podem ser feitas online.

Entre as temáticas trabalhadas nos debates estão o consumo consciente, desertificação da caatinga e agricultura sustentável, cidades inteligentes e mobilidade urbana, convivência com menos água e carbono neutro em Fernando de Noronha. A terceira edição do evento conta com apoio da Prefeitura do Recife, responsável por montar paineis com propostas para problemas locais, como erosão marinha, avanço do mar, chuvas e enchentes no Agreste e secas no semiárido.

Durante o evento, 40 empresas vão apresentar produtos e tecnologia interativos com o público. A aproximação da ciência com a comunidade é um dos principais objetivos do 18º Congresso Brasileiro de Meteorologia, que acontece dentro da Semana do Clima pela primeira vez. "Às vezes dizemos que a ciência esquece de conversar com a comunidade, mas agora ela vai trocar ideias com a comunidade", afirma a coordenadora regional do congresso, Caarem Studzinski, que é meteorologista. Também participaram da coletiva o secretário executivo da Semas, Helvio Polito, a secretária de Meio Ambiente e Sustentabilidade da Prefeitura do Recife, Cida Pedrosa, e o presidente do CPRH, Paulo Texeira.

Os destaques da programação vão para as palestras de Desertificação na Caatinga e sustentabilidade, em que serão apresentados os dados no estado do Instituto de Pesquisa Agronômica (IPA); a de Restauração Ecológia, que aborda a recuperação de áreas degradadas por meio do reflorestamento sustentável; e a de Clima e Economia de Baixo Carbono, que vai trabalhar a redução da emissão de gases poluentes. A programação completa também está disponível online.


Adicionar comentário

Importante: O conteúdo postado neste espaço é de responsabilidade do autor.


Código de segurança
Atualizar

Entre para postar comentários